Pesquisar e

sábado, 16 de janeiro de 2016

Doutrina da Trindade. Unitarismo e Unicismo refutado



1- ORIGEM DO TERMO

A palavra trindade foi criada por Tertuliano (160-220 d.C.) para se referir à unidade composta de Deus, isto é, à união de três Pessoas numa só divindade.

2- USO NA BÍBLIA

O termo Trindade não se encontra na Bíblia, assim como também outros termos como OniscienteOnipresentelivre arbítrio, etc. O fato é que todos estes termos correspondem a Verdades ensinadas na Bíblia. Em relação a Trindade isso será provado abaixo. O termo unicismo também não se encontra na Bíblia


3- TRINDADE X TRÍADE (paganismo). A trindade vem do paganismo?

Muitíssimas pessoas e dicionários usam os termos como sinônimos, mas tem conotações bem diferentes. Por isso Tertuliano cunhou o termo definido-o como Três pessoas divinas de mesma essência.
o termo TRÍADE se refere a três coisas de natureza diferente como, por exemplo:
a- tríade da cárie- dente+microbiota+substrato (açúcar)
b- tríade ecológica- agente, hospedeiro, meio ambiente
c-tríade de acordes- 3 notas musicais (cada uma de natureza diferente)
d- Tríade de deuses- Egípcios (Osíris, Isis e Hórus),  Mesopotamia (Anu, Enlil e Ea), Hindu (Brama, Vishnu e Shiva)

Observações:
  • As tríades religiosas são exclusivas de religiões politeístas.
  • Todas as tríades religiosas conhecidas, constituem de 3 deuses diferentes dentre muitos outros venerados pelos adeptos destas religiões
  • A declaração das Testemunhas de Jeová que "Os egípcios acreditavam que um deus, uma deusa e o filho deles eram três partes de um só deus. Um exemplo desse tipo de trindade egípcia era o deus Osíris, a deusa Ísis e o filho deles Hórus." é falsa, pois eles eram 3 deuses!!
    Sentinela 2013 15/2 pp. 10-11
  • Dizer que a Trindade tem origem pagã é desconhecer tanto o que é Tríade como o que é Trindade!
  • A circuncisão, o dilúvio , a imortalidade da alma, tem paralelos nas religiões pagãs e nem por isso deixam de ser doutrinas bíblicas! Assim mesmo que houvesse a crença em Trindade entre os pagãos (e de fato não há) isto por si não seri suficiente para dizer que a crença na Trindade é uma coisa diabólica!


tríade da cárie

4- O QUE NÃO É TRINDADE

4.1 Triteísmo- adoração de 3 deuses 
Observe (como distorcem as Testemunhas de Jeová):
"Por conseguinte, os que aceitam a Bíblia como a Palavra de Deus não adoram a Trindade que consiste de três pessoas, ou deuses, em um só." (Conhecimento cap. 3 p. 31 par. 22 Quem é o Deus verdadeiro?)

Os Estudantes da Bíblia também expuseram como falsa a amplamente venerada doutrina da Trindade. Em 1887, a revista A Sentinela* comentou: “As Escrituras são bem claras com respeito à individualidade distinta e à relação exata entre Jeová e nosso Senhor Jesus.” Daí o artigo observou que era surpreendente que “a ideia de um Deus trino — três Deuses em um e, ao mesmo tempo, um Deus em três — chegasse a ter proeminência e aceitação geral. Mas o fato de isso ser assim serve para mostrar como foi profundo o sono da igreja enquanto o inimigo a amarrou com as correntes do erro”. (O Reino de Deus já Governa! pp. 14-16)

4.2- Unicismo- crença que Jesus é o Pai e o Espírito Santo

  • Os unicistas ensinam que Deus é uma unidade absoluta. Um Deus unitário.
  • Os unicistas acreditam que Deus se revelou como Pai, Filho e Espírito Santo.Três manifestações, não três pessoas, mas apenas uma pessoa
  • Acreditam que Deus se revelou como Pai  no A.T, Filho na encarnação e Espírito após ressurreição.
  • Acreditam que Deus não se revelava como Filho no Antigo Testamento.
  • Ensinam que o termo Pai se refere a divindade.
  • Que o termo Filho se refere a encarnação (humanidade de Jesus)
  • Que o Espirito Santo se refere a divindade

Veja a refutação destas doutrinas mais abaixo.



5- O QUE É TRINDADE?

Doutrina cristã que ensina que Deus é único e é eternamente existente em três pessoas distintas. Ou seja Deus na  essência é um e na personalidade são três, isto é, três Pessoas Divinas distintas que nunca devem ser confundidas. Nunca deve ser confundida com triteísmo ou tríades, como visto e provado acima
  • Deus (a Divindade) na sua essência (qualidade, substância divina) é um, mas quanto à sua personalidade, Deus é três. Não devemos confundir as Pessoas, nem dividir a substância (essência). 
  • Deus é eternamente existente em três Pessoas diferentes, porém de mesmo poder, autoridade, glória e co-eternas. Cada uma dessas Pessoas Divinas apresentam suas características pessoais distinguindo-se claramente das outras Pessoas. 
  • Cada Pessoa Divina  (Pai, Filho e Espírito Santo), tem todos os atributos divinos (onisciência, onipresença, onipotência, imutabilidade, amor, etc.), recebe honras divinas e realiza obras divinas, entretanto nenhuma das três age independentemente das outras Pessoas.
         



6- A TRINDADE SURGIU NO SECULO 4?
Não. A bíblia em si defende esta idéia e os escritores antes do sec. 4 também:


7- UNICISMO REFUTADO

7.1 -Jesus disse que ele e o Pai eram duas pessoas:
Jo 8:13  Disseram-lhe os fariseus: Tu dás testemunho de ti mesmo; o teu testemunho não é verdadeiro.
14  Respondeu-lhes Jesus: Ainda que eu dou testemunho de mim mesmo, o meu testemunho é verdadeiro; porque sei donde vim, e para onde vou; mas vós não sabeis donde venho, nem para onde vou.
15  Vós julgais segundo a carne, eu a ninguém julgo.
16  E se eu julgo, o meu juízo é verdadeiro; porque não estou só, mas o Pai que me enviou, está comigo.
17  Na vossa Lei está escrito que o testemunho de duas pessoas é verdadeiro.
18  Eu dou testemunho de mim, e meu Pai que me enviou, também dá testemunho de mim.

7.2 Jesus usou O PLURAL para falar dele e do Pai. E o AT também usa o plural

  • A Bíblia usa pronomes e verbos no plural para se referir ao Pai e ao Filho, indicando haver mais de uma Pessoa na Divindade. “somos”; “nós”; “faremos”. Jo 10:30; 14:23; 17:21,22.

JO 10:30  Eu e o Pai somos um.

JO 14:23  Respondeu Jesus: Se alguém me ama, guardará a minha palavra; e meu Pai o amará, e viremos para ele e faremos nele morada.

JO 1721  a fim de que todos sejam um; e como és tu, ó Pai, em mim e eu em ti, também sejam eles em nós; para que o mundo creia que tu me enviaste.
Será que o Espírito Santo não sabia gramática grega? Ou o Unicismo está errado?

  • A Bíblia refere-se a Deus (a divindade),com pronomes  e  verbos no plural “Façamos”, “nós”, ”desçamos”, “confundamos ” Gn 1:26; 3:22; 11:7; Is 6:8.
Gn 1:26 ¶ Também disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; tenha ele domínio sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus, sobre os animais domésticos, sobre toda a terra e sobre todos os répteis que rastejam pela terra.
27  Criou Deus, pois, o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.
Não se trata de diálogo com os anjos, pois os anjos não tiveram participação na criação, e o homem não é imagem dos anjos e sim de Deus.
Gn 3:22 ¶ Então, disse o SENHOR Deus: Eis que o homem se tornou como um de nós, conhecedor do bem e do mal; assim, que não estenda a mão, e tome também da árvore da vida, e coma, e viva eternamente.

7.3- A palavra único em hebraico pode se referir a uma unidade composta
Dt 6:4 diz que Yahweh é único. A palavra único nesta passagem é echad e pode significar uma  unidade composta, como acontece em Gn 2:24; 11:6. Se a Divindade fosse uma unidade absoluta a palavra usada seria yachid que é usada em Gn 22:2. Em Mc 12:29, Jesus citou Dt 6:4.
Dt 6:4 ¶ Ouve, Israel, o SENHOR, nosso Deus, é o único SENHOR.

Gn 2:24  Por isso, deixa o homem pai e mãe e se une à sua mulher, tornando-se os dois uma só carne.

Gn 11:6 e o SENHOR disse: Eis que o povo é um, e todos têm a mesma linguagem. Isto é apenas o começo; agora não haverá restrição para tudo que intentam fazer.
7  Vinde, desçamos e confundamos ali a sua linguagem, para que um não entenda a linguagem de outro.
8  Destarte, o SENHOR os dispersou dali pela superfície da terra; e cessaram de edificar a cidade.

dxa ‘echad
 um numeral procedente de 0258; DITAT-61; adj
 1) um (número)
1a) um (número)
1b) cada, cada um
1c) um certo
1d) um (artigo indefinido)
1e) somente, uma vez, uma vez por todas
1f) um...outro, aquele...o outro, um depois do outro, um por um
1g) primeiro
1h) onze (em combinação), décimo-primeiro (ordinal)

dyxy yachiyd
 procedente de 03161; DITAT-858a;
 adj
1) só, só um, solitário, um
1a) sozinho, único, um
1b) solitário
1c) (DITAT) filho único
 subst 
2) um

7.4 Jesus disse que ser um, não é ser a mesma pessoa mas estar em unidade, unido  ver 7.16 C
30  Eu e o Pai somos um
Jo 17:21  a fim de que todos sejam um; e como és tu, ó Pai, em mim e eu em ti, também sejam eles em nós; para que o mundo creia que tu me enviaste.
Além disso o termo um (no grego) é neutro e não masculino. Se referisse a pessoa seria masculino

7.5 O unicismo cai no Nestorianismo*, pois sua doutrina implica necessariamente que Jesus era duas pessoas  ou tinha duas naturezas separadas!
João 3:35  O Pai ama ao Filho, e todas as coisas tem confiado às suas mãos



Marcos 13:32  Mas a respeito daquele dia ou da hora ninguém sabe; nem os anjos no céu, nem o Filho, senão o Pai
*Nestorianos (5º séc.): Afirmava que as duas naturezas eram separadas, fazendo assim de Jesus 2 pessoas. 

  • Os pentecostais unicistas compartilham deste ponto de vista quando questionados, por exemplo: Como Jesus não sabia o dia de sua volta? Respondem que apenas sua natureza humana (Filho) não sabia, mas a divina (Pai) sim. O que implica em naturezas separadas, fazendo de Jesus duas pessoas. 
  • Porém esta resposta deles implicaria que Jesus sabia, o que contradiz a afirmação de Jesus, de que ele não sabia. Na verdade tanto sua natureza humana como sua divina (em virturde de sua encarnação e esvaziamento) não sabiam a data de sua volta
  • Para uma verdadeira compreensão deste versículo veja 10. Pois até mesmo alguns Trinitarianos de maneira IRRACIONAL dão esta explicação herética





7.6 O Filho conhece o Pai, e o Pai ao Filho
Mateus 11:27  Tudo me foi entregue por meu Pai. Ninguém conhece o Filho, senão o Pai; e ninguém conhece o Pai, senão o Filho e aquele a quem o Filho o quiser revelar.


  • Jesus conhece o Pai em virtude de sua vida com o Pai antes de sua encarnação e esvaziamento por ter a mesma natureza dele  ver 7.11
  • Se o termo Filho se refere a natureza humana (como pressupõe o Unicismo) seria impossível ele conhecer ao Pai, pois o criado e finito não pode alcançar o incriado e infinito!! 
  • Portanto o termo Filho se refere a divindade de Jesus, pois antes de encarnar existia como o Pai e tinha a mesma natureza dele (ver 7.11)


7.7 O Pai fala ao Filho e o Filho ao Pai. Cada um chama o outro de "Deus", o que implica em duas pessoas na divindade.
Hb 1:1 ¶ Havendo Deus, outrora, falado, muitas vezes e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas,
2  nestes últimos dias, nos falou pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de todas as coisas, pelo qual também fez o universo.
5  Pois a qual dos anjos[Deus] disse jamais: Tu és meu Filho, eu hoje te gerei? E outra vez: Eu lhe serei Pai, e ele me será Filho?
6  E, novamente, ao introduzir o Primogênito no mundo, [Deus] diz: E todos os anjos de Deus o adorem.
7  Ainda, quanto aos anjos, [Deus] diz: Aquele que a seus anjos faz ventos, e a seus ministros, labareda de fogo;
8  mas acerca do Filho: O teu trono, ó Deus, é para todo o sempre; e: Cetro de eqüidade é o cetro do seu reino.
9  Amaste a justiça e odiaste a iniqüidade; por isso, Deus, o teu Deus, te ungiu com o óleo de alegria como a nenhum dos teus companheiros.
10  Ainda: No princípio, Senhor, lançaste os fundamentos da terra, e os céus são obra das tuas mãos;
11  eles perecerão; tu, porém, permaneces; sim, todos eles envelhecerão qual veste;
12  também, qual manto, os enrolarás, e, como vestes, serão igualmente mudados; tu, porém, és o mesmo, e os teus anos jamais terão fim.
13  Ora, a qual dos anjos jamais disse: Assenta-te à minha direita, até que eu ponha os teus inimigos por estrado dos teus pés?

Ap 3:12  Ao vencedor, fá-lo-ei coluna no santuário do meu Deus, e daí jamais sairá; gravarei também sobre ele o nome do meu Deus, o nome da cidade do meu Deus, a nova Jerusalém que desce do céu, vinda da parte do meu Deus, e o meu novo nome.



7.8- O Filho agiu  no AT como CRIADOR e como INTERCESSOR, ao contrário do que diz o unicismo (ver 4.2)
Hb 1:2  nestes últimos dias, [Deus] nos falou pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de todas as coisas, pelo qual também fez o universo.



Cl 1:12 ¶ dando graças ao Pai, que vos fez idôneos à parte que vos cabe da herança dos santos na luz.

13  Ele nos libertou do império das trevas e nos transportou para o reino do Filho do seu amor,

14  no qual temos a redenção, a remissão dos pecados.

15  Este é a imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação;

16  pois, nele, foram criadas todas as coisas, nos céus e sobre a terra, as visíveis e as invisíveis, sejam tronos, sejam soberanias, quer principados, quer potestades. Tudo foi criado por meio dele e para ele.


Zc 12:1 ¶ Deus me mostrou o sumo sacerdote Josué, o qual estava diante do Anjo do SENHOR, e Satanás estava à mão direita dele, para se lhe opor.
2  Mas o SENHOR disse a Satanás: O SENHOR te repreende, ó Satanás; sim, o SENHOR, que escolheu a Jerusalém, te repreende; não é este um tição tirado do fogo?
3  Ora, Josué, trajado de vestes sujas, estava diante do Anjo.
4  Tomou este a palavra e disse aos que estavam diante dele: Tirai-lhe as vestes sujas. A Josué disse: Eis que tenho feito que passe de ti a tua iniqüidade e te vestirei de finos trajes.
5  E disse eu: ponham-lhe um turbante limpo sobre a cabeça. Puseram-lhe, pois, sobre a cabeça um turbante limpo e o vestiram com trajes próprios; e o Anjo do SENHOR estava ali,

Davi MOSTRA QUE o Fiilho já existia no seu tempo!! e o Pai conversou com ele:
Mt 12:36  O próprio Davi falou, pelo Espírito Santo: Disse o Senhor ao meu Senhor: Assenta-te à minha direita, até que eu ponha os teus inimigos debaixo dos teus pés.

37  O mesmo Davi chama-lhe Senhor; como, pois, é ele seu filho? E a grande multidão o ouvia com prazer.


7.9- O Espírito Santo que não tem natureza humana como Jesus, intercede ao Pai, logo é uma pessoa distinta do Pai. 
Se o Espírito Santo é o Pai ou natureza divina, como dizem os Unicistas, como ele intercederia junto a si mesmo? Que contradição é essa?

Rm 8:26 ¶ Também o Espírito, semelhantemente, nos assiste em nossa fraqueza; porque não sabemos orar como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós sobremaneira, com gemidos inexprimíveis.



7.10- O termo Filho implica divindade, por isso Jesus foi acusado de blasfemia
JO 5:18  Por isso, pois, os judeus ainda mais procuravam matá-lo, porque não somente violava o sábado, mas também dizia que Deus era seu próprio Pai, fazendo-se igual a Deus.

Jo 10:33  Responderam-lhe os judeus: Não é por obra boa que te apedrejamos, e sim por causa da blasfêmia, pois, sendo tu homem, te fazes Deus a ti mesmo.
34  Replicou-lhes Jesus: Não está escrito na vossa lei: Eu disse: sois deuses?
35  Se ele chamou deuses àqueles a quem foi dirigida a palavra de Deus, e a Escritura não pode falhar,

36  então, daquele a quem o Pai santificou e enviou ao mundo, dizeis: Tu blasfemas; porque declarei: sou Filho de Deus?

Obs* Não confunda o termo filho que é aplicado aos cristãos, pois somos filhos por adoção!!
Jesus é o Deus unigênito (único do gene, unico do tipo), pois é Deus.
Jesus é o Filho Unigênito pois tem a natureza divina
Jo 1:18  Ninguém jamais viu a Deus; o Deus unigênito*, que está no seio do Pai, é quem o revelou.

16  Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.


* apenas manuscritos medievais trazem o termo Filho unigênito, cópias tardias e menos confiáveis


7.11- Desde a eternidade Jesus é distinto do Pai e ele tem a natureza do Pai
Jo1:1 ¶ No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com (o) Deus, e o Verbo era Deus.

  • Jesus estava com Deus pai desde a eternidade
  • Jesus desde a eternidade tinha a natureza ou essência divina

A ausência de artigo definido no termo  Deus, como acontece na segunda palavra Deus ( "era Deus") implica em um qualificativo do termo Logos. Assim o termo Deus qualifica (dá qualidade) ao Logos, significando que ele tem a natureza divina. Veja:
(Nova Chave Lingüística do Novo Testamento Grego. São Paulo: Edições Targumim, 2009, p. 567
Jesus)

  • Outros textos falam de Jesus tendo esta natureza divina:
Fp 2:6  Ele tinha a natureza de Deus, mas não tentou ficar igual a Deus. NTLH
Fp 2:6  pois ele, subsistindo em forma de Deus, não julgou como usurpação o ser igual a Deus;

"1. morphe  denota “a forma ou traço especial ou característico" de uma pessoa ou coisa. É usado com significado particular no Novo Testamento, somente acerca de Cristo, em Fp 2.6.7. nas frases: “sendo em forma de Deus" e "tomando a forma de servo". Definição excelente da palavra é a que Gifford oferece: “O termo morphe é. portanto, a natureza ou a essência, não no abstrato, mas como subsistindo na verdade no indivíduo, e retido, contanto que o indivíduo exista. \ ...] Assim, na passagem diante de nos morphe theou é, de fato. a natureza divina e inseparavelmente subsistente na Pessoa de Cristo. (...) Quanto à interpretação da expressão ‘forma de Deus', é suficiente dizer que: 
(1) inclui toda a natureza e essência da deidade, e é inseparável delas, visto que não podem ter existência real sem ela: e 
(2 ) que não inclui em si mesma qualquer coisa acidental ou separável, como determinadas maneiras de manifestação ou condições de glória e majestade, as quais podem, numa ocasião, estar presas à ‘forma’: e em outra, separadas dela. [...] “O verdadeiro significado de morphe na expressão 'form a de D e u s’ é confirmada por seu reaparecimento na expressão correspondente, 'forma de servo’. É universalmente aceito que as duas frases são diretamente antitéticas. e que. portanto a palavra ‘forma* tem de ter o mesmo sentido em ambas" (extraído dc On The incarnaríon, de Gifford. pp. 16. 19, 39). (Dicionario Vine- CPAD, 2002, p.664)
  • O Pai tem logicamente esta natureza divina 
Romanos 1:20  Porque os atributos invisíveis de Deus, assim o seu eterno poder, como também a sua própria divindade, claramente se reconhecem, desde o princípio do mundo, sendo percebidos por meio das coisas que foram criadas. Tais homens são, por isso, indesculpáveis;

7:12 O N.T. revela de maneira mais explicita a pluralidade de Pessoas e a unidade de essência na Divindade:
  • Batismo de Jesus (Mt 3:16,17); o texto grego usa o artigo definido antes de cada termo Pai, Filho, Espírito Santo, o que se usa para identificar uma pessoa!  ver 12
Mt 3:16  Batizado que foi Jesus, saiu logo da água; eis que se abriram os céus, e veio o Espírito de Deus descer como pomba e vir sobre ele; e uma voz dos céus disse:
17  Este é o meu Filho dileto, em quem me agrado.

Razões para Crer. Rio de Jeneiro:CPAD, 2013, p. 368.
  • Grande Comissão (Mt 28:19); Se o termo Pai é divindade e Espírito também, porque a repetição?
Mt 28:19  Ide, pois, e fazei discípulos de todas as nações, batizando-as em o nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo;
  • Distribuição dos Dons (ICo 12:1-6); 
1 Co 12:4  Ora há diversidades de dons, mas um mesmo é o Espírito;5  há diversidades de ministérios, e um mesmo é o Senhor; 6  há diversidades de operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos.
  •  Bênção Apostólica (II Co 13:13); Se o termo Pai é divindade e Espírito também, porque a repetição?
2 Co 13:13A graça do Senhor Jesus Cristo, e o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo, seja com todos vós.
  • Unidade da Fé (Ef 4:4-6)
Ef 4:4-6  um só corpo há e um só Espírito, como também fostes chamados em uma só esperança da vossa vocação;5  um só Senhor, uma só fé, um só batismo;6  um só Deus e Pai de todos, que é sobre todos e por todos e em todos.
  • Eleição (IPe 1:2);
1 Pe 1:2  eleitos segundo a presciência de Deus Pai, na santificação do Espírito, para a obediência e para a aspersão do sangue de Jesus Cristo: Graça e paz vos sejam multiplicadas.
  •  Exortação de Judas (Jd 20,21);
Jd 20  Mas vós, amados, edificando-vos sobre a vossa santíssima fé, e orando no Espírito Santo,21  guardai-vos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo para a vida eterna.
  • Saudação de Apocalipse (Ap 1:4,5)Se o termo Pai é divindade e Espírito também, porque a repetição?
Ap 1:4  João, às sete igrejas que estão na Ásia: Graça a vós e paz da parte daquele que é, que era e que há de vir; e da dos sete espíritos* que estão diante do seu trono;
5  e da de Jesus Cristo, que é a testemunha fiel, o primogênito dos mortos e o príncipe dos reis da terra. Àquele que nos ama, e nos libertou dos nossos pecados pelo seu sangue,
obs* Os sete espíritos se referem a Manifestação sétupla do Espírito Santo Is 11:2
Is 11:2  Repousará sobre ele o Espírito do SENHOR, o Espírito de sabedoria e de entendimento, o Espírito de conselho e de fortaleza, o Espírito de conhecimento e de temor do SENHOR


7.13 Jesus não é o Pai e sim o Filho do Pai (II Jo 1:3)  
  • está no mesmo trono à sua direita.(Jo 1:1,18; 5:31,32,37; 8:17,18; 10:36, 15:24; 14:21; 16:17,18; 20:17; Mt 3:16; 5:48; 6:1,9; 7:21; 11:25,26; 12:50; 28:19; Ap 1:4,5; 3:21; 5:5-7,13; I Jo 1:3; 3:23; II Jo 1:3; Mc 13:32; 14:62; 16:19; At 7:56, Hb 1:3,13; I Co 11:3; etc.)
  • Para "Pai da eternidade" ver 7.16


7:14 Jesus não é o Espírito Santo 
(Mt 3:16; 12:28,31; 28:19; Lc 4:1,18; Jo 14:16,17; At 10:38; Is 11:2; Ap 1:4,5; 5:6; etc.)
              Jesus foi ungido (capacitado) pelo Espírito Santo para realizar as obras que o Pai lhe deu para fazer. O Espírito Santo é “outro consolador ”Jo 14:16 outro, allos, significa “outro do mesmo tipo”, isto é, Jesus tem a mesma Natureza Divina do Espírito Santo, porém são Pessoas distintas. (Ver Testemunhas de Jeová- O Espírito Santo)

7:15 O Pai não é o Espírito Santo 
(Mt 3:16,17;Mt 28:19; I Co 12:4-6; IICo 13:13; Ef 4:4-6; Ap 1:4,5; Jd 20:21; etc.)
  • Jo 4:24 não prova que o Pai é o Espirito Santo, mas apenas diz que a Natureza de Deus Pai é espiritual “Deus é espíritoARA, NVI, AR e BJ ou “Deus é EspíritoARC; não diz “Deus é o Espírito”. 
  • Jesus Cristo antes de vir à terra era espírito, assim como o Espírito Santo é espírito. Em Ef 4: 4,5 diz que há um só Espírito que é o Espírito Santo, um só Senhor (Jesus) e um só Deus que é o Pai, este texto não diz que o Espírito Santo é o único Ser Divino espiritual.
  • O Espírito Santo devido sua relação com Jesus Cristo (foi enviado por Cristo At 16:7, e por inspirar as profecias messiânicas I Pe 1:11) é chamado Espírito de Cristo, de Jesus Cristo ou de Jesus.
  •  O Espírito Santo devido ser uma Pessoa Divina da Trindade é chamado de:  Espírito de Deus, Espírito do Senhor I Jo 4:2; Lc 4:18.
  • O Espírito Santo devido a seus ofícios é chamado de: Espírito de adoção, Espírito da graça, etc. Leia Is 11:2; Rm8:15; Hb 10:29. 
  • Para o argumento de que só há um Espírito veja 7:15
7:16 Desfazendo mitos unicistas

A) Cl 2:9 não ensina que Jesus é a união de Deus Pai que se fez carne ( sendo esta a natureza humana ou Filho) com Deus Pai que morava dentro desse corpo ou se uniu a esse corpo (sendo esta a natureza divina). 
  • Cl 2:9 está no presente e diz que Jesus hoje (como eternamente) é 100% Divino. Paulo estava falando aos Colossenses que Cristo não era uma criatura e sim um Ser Divino, Cl 1:19. 
  • Quando o Filho se fez carne Ele se esvaziou da manifestação dos poderes da divindade, mas isso não significa que Ele perdeu a Essência Divina Fl 2:6-10. 
  • Jesus neste sentido tinha a natureza Divina e humana, mas não no sentido dos Unicistas. Jesus ao assumir a forma humana decidiu ser dependente do Espírito Santo (Is 11:2; Lc 3:22; 4:1,18; At 10:38; Mt 12:28).


B) Is 9:6 não diz que Jesus é Deus Pai, mas sim que Ele é eterno Pai da eternidade. Significa possuidor da eternidade
  • O Léxico de Strong diz: 

  • "ab=pai
    1) pai de um indivíduo
    2) referindo-se a Deus como pai de seu povo
    3) cabeça ou fundador de uma casa, grupo, família, ou clã
    4) antepassado
    4a) avô, antepassados—de uma pessoa
    4b) referindo-se ao povo
    5) originador ou patrono de uma classe, profissão, ou arte
    6) referindo-se ao produtor, gerador (fig.)
    7) referindo-se \a benevolência e proteção (fig.)
    8) termo de respeito e honra
    9) governante ou chefe (espec."

  • O Targum [paráfrase aramaicas do A.T] traduziu o termo por: 'Seu nome tem sido chamado desde a antiguidade, Maravilhoso Conselheiro,, Deus Forte, aquele que vive para sempre' (Targum of Isaiah. Londom:Oxford, 1942, p. 32)

C)- Jo 10:30 diz Eu e o Pai somos um”. O verbo está no plural indicando haver duas Pessoas e o numeral “um” no grego é numeral neutro, indicando mais uma vez unidade de Essência  ou Natureza Divina. 
  • Jesus não disse: “Eu sou o Pai”.
  • Se ser um significa ser a mesma pessoa, logo a igreja é Deus. Isso é irracional e satânico (Jo 17:21-23).
  • Logo, a expressão “somos um” ou derivadas devem ser analisadas de acordo com o contexto.
  • Todos os crentes são um em Cristo. ICo l2:12,14,20 mas nem por isso deixamos de ter a nossa individualidade, o mesmo ocorre com os casados Mt 19:5-6. Leia também Gn 11:6.
  •  Além disso o termo um (no grego) é neutro e não masculino. Se referisse a pessoa seria masculino

D)-  Em Jo 3:13 a expressão:que está no céu”, não se encontra nos manuscritos gregos mais antigos, foi colocada por um copista, para enfatizar que Jesus hoje está nos céus ao lado do Pai (Jo 1:18). 
  • As versões mais modernas da Bíblia omitem este acréscimo ou o colocam entre colchetes. Quem estava nos céus, durante o ministério terreno de Jesus era seu Pai (Mt 10:33).


E)- Atos l0.28 não diz que Deus Pai tem sangue, sendo portanto Jesus Cristo. 
  • Essa passagem refere-se a Deus Filho (Jesus Cristo) que é chamado de Deus em: Jo 1:1,18; 20:28; Hb 1;8-12; Tt 2:13 e em  I Jo 5;20.

F)- II Co 5:19 diz que Deus (Pai), através de seu Filho reconciliou o mundo com Ele.
  •  O Filho é chamado de Cristo e não o Deus Pai (Mc 14:61).

G)- Jo 14:19 mostra que devido as obras de Jesus serem iguais às de Deus Pai (Jo 5:19, 20,36,43; 10:38; 14:9-12), quem o via, via ao Pai, pois tinha a mesma Essência Divina (Jo 1:1; 10:30; Cl 2:9), 
  • Jesus disse que ninguém tinha visto o Pai (Jo 6:46; 5:37).


H)- Jo 8:16; 16:32 não ensinam que o Pai se tornou uma Pessoa com o Filho na encarnação como já foi discutido, Jesus está sempre conosco, porém não somos Deus.

I)- Jo 14:10 não sustenta a doutrina herética que o Pai é a natureza divina e o Filho a natureza humana como já foi comentado, antes mostra que  o propósito do Pai estava em Jesus e que Ele através do Espírito Santo capacitava Cristo a fazer obras iguais às Suas (Jo 5:19,20; 14:10,11; At 10:38; Lc 4:14,18)
  • Não é a presença do Espírito Santo que tornou Cristo divino, pois Ele sempre foi Deus(Divino),(Jo l:l).
  • Os cristãos tem o Espirito Santo, mas contudo não são Deus (Jo 14:17; I Co 3:16).

J)- I Co 15:45 ensina que Jesus após ressuscitar recebeu um corpo espiritual [Seu corpo carnal foi transformado].(I Co 15:44). 
  • Contrasta o primeiro Adão que trouxe a morte, com o último Adão(Jesus) que trouxe vida eterna a todo o que crê (Jo3:16; I Jo 1:1,2;3:14;5:11,20).
  • Então Jesus glorificado é “espírito vivificante”(Rm 5;15,18,20) e não apenas uma alma vivente (ser vivente) como foi Adão. Jesus não se transformou no Espirito Santo pois Este já existia como uma Pessoa distinta. 

K)- Jo 7:38,39 e 14:16-19 distingue a Pessoa do Espírito Santo da Pessoa de Jesus, pois em Jo 14:17 Jesus disse que o Espírito Santo era invisível e habitava com eles, portanto era “outro consolador”(Jo 14:16); no grego allos eqüivale a outro do mesmo tipo
  • Em II Jo 1:3, a palavra órfãos não significa que Jesus é Deus Pai, significa apenas que Jesus é nosso pai, assim como as outras Pessoas da Trindade (Jo 21:5). 
  • A expressão do versículo 18 (...)virei para vós” refere-se a ressurreição de Cristo e seu aparecimento aos discípulos (Jo14:19,20; 20:19-31; 21:1-25) e não a Jesus transformado no Espírito Santo.

L)- Jo 20:22 mostra que Jesus soprou o Espírito Santo e não a si mesmo em Pessoa.

M)- II Co 3 refere-se ao ministério do Espírito Santo II Co 3:3,6,8,16,17,18 AC (Espírito). 
  • Portanto II Co 3: 16,17,18  diz apenas que o Espírito Santo é o Senhor assim como o Pai (Mt 4:7) e o Filho (Fl 2:11).
  •  O título Senhor refere-se a Deus como supremo soberano (no grego Kyrios e no hebraico Adonay) e corresponde à Yahweh (Dt 6:16).
  •  Assim este trecho diz que o Espírito Santo é o soberano do universo (que nos transforma segundo sua imagem) e identifica o Espírito Santo como o Senhor com quem Moisés falara refletindo sua glória ( II Co 3:7,13,17,18) Ora, o Senhor é o Espírito”v.17.
  •  Dizer que Cristo é o Espírito Santo é forçar o contexto e contradizer todo o restante da Bíblia.



8- Divindade de Jesus Cristo


9- Divindade o Espírito Santo

10- As duas naturezas de Jesus Cristo


11- A farsa do plural de majestade
http://averacidadedafecrista.blogspot.com.br/2016/01/a-farsa-do-plural-de-
majestade.html


12- Batismo em nome de Jesus ou em nome da Trindade?
http://tabernaculodaferefutado.blogspot.com.br/2014/07/batsimo-em-nome-de-jesus.html

13- Quantos tronos da divindade tem no céu?

A bíblia só registra um.
Jesus sentou no trono junto com o Pai, à sua direita! 
Apocalipse 3:21  Ao vencedor, dar-lhe-ei sentar-se comigo no meu trono, assim como também eu venci e me sentei com meu Pai no seu trono.
Apocalipse 22:1  Então, me mostrou o rio da água da vida, brilhante como cristal, que sai do trono de Deus e do Cordeiro.
Apocalipse 22:3  Nunca mais haverá qualquer maldição. Nela, estará o trono de Deus e do Cordeiro. Os seus servos o servirão,

Hebreus 12:2  olhando firmemente para o Autor e Consumador da fé, Jesus, o qual, em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a cruz, não fazendo caso da ignomínia, e está assentado à destra do trono de Deus.
Hebreus 8:1  Ora, o essencial das coisas que temos dito é que possuímos tal sumo sacerdote, que se assentou à destra do trono da Majestade nos céus,

14- Quantas pessoas da Divindade nós vamos ver no céu?

TEOFANIA- manifestação temporária visível do Deus invisível

Deus se manifestou  ao homem de várias formas teofânicas:

a- Como Luz (fóton= energia, partícula)
At 9:3  Seguindo ele estrada fora, ao aproximar-se de Damasco, subitamente uma luz do céu brilhou ao seu redor,

4  e, caindo por terra, ouviu uma voz que lhe dizia: Saulo, Saulo, por que me persegues?

b- Como pomba
Lucas 3:22  e o Espírito Santo desceu sobre ele em forma corpórea como pomba; e ouviu-se uma voz do céu: Tu és o meu Filho amado, em ti me comprazo.

c- Como homem
Gn 18:1 ¶ Apareceu o SENHOR a Abraão nos carvalhais de Manre, quando ele estava assentado à entrada da tenda, no maior calor do dia.
2  Levantou ele os olhos, olhou, e eis três homens de pé em frente dele. Vendo-os, correu da porta da tenda ao seu encontro, prostrou-se em terra
3  e disse: Senhor meu, se acho mercê em tua presença, rogo-te que não passes do teu servo;
4  traga-se um pouco de água, lavai os pés e repousai debaixo desta árvore;
8  Tomou também coalhada e leite e o novilho que mandara preparar e pôs tudo diante deles; e permaneceu de pé junto a eles debaixo da árvore; e eles comeram
22  Então, partiram dali aqueles homens e foram para Sodoma; porém Abraão permaneceu ainda na presença do SENHOR.

d- Como fogo
Ex 3:2  Apareceu-lhe o Anjo do SENHOR numa chama de fogo, no meio de uma sarça; Moisés olhou, e eis que a sarça ardia no fogo e a sarça não se consumia.
3  Então, disse consigo mesmo: Irei para lá e verei essa grande maravilha; por que a sarça não se queima?
4  Vendo o SENHOR que ele se voltava para ver, Deus, do meio da sarça, o chamou e disse: Moisés! Moisés! Ele respondeu: Eis-me aqui!
5  Deus continuou: Não te chegues para cá; tira as sandálias dos pés, porque o lugar em que estás é terra santa.
6  Disse mais: Eu sou o Deus de teu pai, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque e o Deus de Jacó. Moisés escondeu o rosto, porque temeu olhar para Deus.

e- Como Nuvem

15  Então, o SENHOR apareceu, ali, na coluna de nuvem, a qual se deteve sobre a porta da tenda.

16  Disse o SENHOR a Moisés: Eis que estás para dormir com teus pais; e este povo se levantará, e se prostituirá, indo após deuses estranhos na terra para cujo meio vai, e me deixará, e anulará a aliança que fiz com ele.

f- Como redemoinho

Jó 38:1 ¶ Depois disto, o SENHOR, do meio de um redemoinho, respondeu a Jó:

2  Quem é este que escurece os meus desígnios com palavras sem conhecimento?


g-Deus no trono 


Ex 24:10  E viram o Deus de Israel, sob cujos pés havia uma como pavimentação de pedra de safira, que se parecia com o céu na sua claridade.


Isaías 6:5  Então, disse eu: ai de mim! Estou perdido! Porque sou homem de lábios impuros, habito no meio de um povo de impuros lábios, e os meus olhos viram o Rei, o SENHOR dos Exércitos!
1 Reis 22:19  Micaías prosseguiu: Ouve, pois, a palavra do SENHOR: Vi o SENHOR assentado no seu trono, e todo o exército do céu estava junto a ele, à sua direita e à sua esquerda.
Isaías 6:1  No ano da morte do rei Uzias, eu vi o Senhor assentado sobre um alto e sublime trono, e as abas de suas vestes enchiam o templo.
Amós 9:1  Vi o Senhor, que estava em pé junto ao altar; e me disse: Fere os capitéis, e estremecerão os umbrais, e faze tudo em pedaços sobre a cabeça de todos eles; matarei à espada até ao último deles; nenhum deles fugirá, e nenhum escapará.
Ex 33:22  Quando passar a minha glória, eu te porei numa fenda da penha e com a mão te cobrirei, até que eu tenha passado.
23  Depois, em tirando eu a mão, tu me verás pelas costas; mas a minha face não se verá.

Apocalipse 4:2  Imediatamente, eu me achei em espírito, e eis armado no céu um trono, e, no trono, alguém sentado;
Apocalipse 4:3  e esse que se acha assentado é semelhante, no aspecto, a pedra de jaspe e de sardônio, e, ao redor do trono, há um arco-íris semelhante, no aspecto, a esmeralda.

Ezequiel 1:26 ¶ Por cima do firmamento que estava sobre a sua cabeça, havia algo semelhante a um trono, como uma safira; sobre esta espécie de trono, estava sentada uma figura semelhante a um homem.
27  Vi-a como metal brilhante, como fogo ao redor dela, desde os seus lombos e daí para cima; e desde os seus lombos e daí para baixo, vi-a como fogo e um resplendor ao redor dela.
28  Como o aspecto do arco que aparece na nuvem em dia de chuva, assim era o resplendor em redor. Esta era a aparência da glória do SENHOR; vendo isto, caí com o rosto em terra e ouvi a voz de quem falava.

  • Ninguém nunca viu a Deus na sua essência!
João 1:18  Ninguém jamais viu a Deus; o Deus unigênito, que está no seio do Pai, é quem o revelou.
1 Timóteo 6:16  o único que possui imortalidade, que habita em luz inacessível, a quem homem algum jamais viu, nem é capaz de ver. A ele honra e poder eterno. Amém!

1 João 4:12  Ninguém jamais viu a Deus; se amarmos uns aos outros, Deus permanece em nós, e o seu amor é, em nós, aperfeiçoado.
  • Nós veremos o que os  anjos vêem, a face de Deus no trono  (ou seja, uma Teofania de Deus)
Mateus 18:10  Vede, não desprezeis a qualquer destes pequeninos; porque eu vos afirmo que os seus anjos nos céus vêem incessantemente a face de meu Pai celeste.

1 Coríntios 13:12  Porque, agora, vemos como em espelho, obscuramente; então, veremos face a face. Agora, conheço em parte; então, conhecerei como também sou conhecido.

Mateus 5:8  Bem-aventurados os limpos de coração, porque verão a Deus.


Ap 22:3  Nunca mais haverá qualquer maldição. Nela, estará o trono de Deus e do Cordeiro. Os seus servos o servirão,
4  contemplarão a sua face, e na sua fronte está o nome dele.

Apocalipse 19:12  Os seus olhos são chama de fogo; na sua cabeça, há muitos diademas; tem um nome escrito que ninguém conhece, senão ele mesmo

  • Nós veremos Jesus ressurreto
1 JO 3:2  Amados, agora, somos filhos de Deus, e ainda não se manifestou o que haveremos de ser. Sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele, porque haveremos de vê-lo como ele é.
  • Nós veremos o Espírito Santo?
Não sabemos, mas se o virmos veremos numa forma teofânica! Não se pode dizer que sim  e nem que não!
Não podemos ir além do que está escrito.
 1 Co 4:6  Estas coisas, irmãos, apliquei-as figuradamente a mim mesmo e a Apolo, por vossa causa, para que por nosso exemplo aprendais isto: não ultrapasseis o que está escrito; a fim de que ninguém se ensoberbeça a favor de um em detrimento de outro

Conclusão:
Não podemos ver Deus na sua essência, na sua plenitude, por sermos finitos e limitados



Um comentário: